Adiar a morte do direito penal liberal: pena, crime e processo na obra de Luís Greco

Autores

  • Alaor Leite Universidade de Lisboa, Portugal
  • Adriano Teixeira Fundação Getulio Vargas, SP, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.69519/trf1.v36n2.574

Palavras-chave:

direito penal, filosofia, liberalismo, pena , delito

Resumo

O presente texto propõe-se a descrever (e a defender) o incumprido projeto de um direito penal liberal, à luz de sua tentativa contemporânea mais ambiciosa, impressionante e bem-acabada: a obra (ainda em incessante e vigoroso movimento) de Luís Greco. Para cumprir esse propósito, visitam-se as reflexões do autor homenageado sobre os três males carentes de legitimação em um Estado liberal: o mal da pena, o mal do crime e o mal do processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alaor Leite, Universidade de Lisboa, Portugal

Doutor e mestre (LL. M), pela Ludwig-Maximilians-Universität München (Munique, Alemanha). Professor da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa.

Adriano Teixeira, Fundação Getulio Vargas, SP, Brasil

Doutor e mestre (LL. M), pela Ludwig-Maximilians-Universität München (Munique, Alemanha). Professor da FGV – Direito, São Paulo.

Downloads

Publicado

25-04-2024

Como Citar

LEITE, A.; TEIXEIRA, A. Adiar a morte do direito penal liberal: pena, crime e processo na obra de Luís Greco. Revista do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, [S. l.], v. 36, n. 2, p. 76–88, 2024. DOI: 10.69519/trf1.v36n2.574. Disponível em: https://revista.trf1.jus.br/trf1/article/view/574. Acesso em: 21 jun. 2024.