A necessidade de deliberação do Conselho de Sentença no Tribunal do Júri e regras de julgamento

  • Rodrigo Aguiar Wanderley
Palavras-chave: Tribunal do Júri, Princípios informadores, Instituição deliberativa, Regras de julgamento, Maiorias, Unanimidade

Resumo

O presente trabalho explora a deliberação no Tribunal do Júri e as regras de votação para o veredito. Em um primeiro
capítulo, faz-se uma análise de alguns dos princípios que norteiam o referido tribunal no Brasil: a presunção de
inocência, a incomunicabilidade dos jurados e o sigilo dos vereditos. Em seguida, defende-se que o Tribunal do Júri
é uma instituição deliberativa que tem como função descobrir e decidir sobre fatos e aponta-se pontos positivos
que a deliberação traz para a qualidade das decisões proferidas pelos jurados. Por fim, apresenta-se um debate
sobre as vantagens e desvantagens das regras decisórias como a maioria simples, a unanimidade, a supermaioria e
assimetria, concluindo com uma sugestão de modelo a ser adotado.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Aguiar Wanderley

Bacharel em direito pela Universidade de Brasília

Publicado
18-12-2019
Como Citar
WANDERLEY, R. A. A necessidade de deliberação do Conselho de Sentença no Tribunal do Júri e regras de julgamento. Revista do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, v. 31, n. 03, p. 36-55, 18 dez. 2019.